PROGRAMAÇÃO 2015

 

O Museu Histórico Nacional oferece ao visitante uma área de 9.557,32 metros quadros, englobando exposições permanentes e temporárias, Auditório, Arquivo Histórico, Biblioteca e pitorescos pátios internos, além de promover, inúmeros eventos, entre cursos, seminários, exibição de vídeos, concertos musicais e atividades especiais para crianças, jovens e terceira idade.

 

Conheça as atividades programadas para 2015:

 

Em cartaz:

Circuito de exposições de longa duração

Exposições "Oreretama","Portugueses no Mundo","A Construção da Nação"e "Cidadania em Construção", localizadas no segundo andar do prédio do antigo Arsenal de Guerra;

Exposição "Do Móvel ao Automóvel - Transitando pela História", localizada no térreo, entre os Pátios da Minerva, dos Canhões e Gustavo Barroso;

Exposições "As Moedas Contam a História" e "Coleções de Moedas, Uma Outra História", no segundo andar da Casa do Trem.

Exposição de canhões, com legendas em Braille, no “Pátio dos Canhões”.

 

De 9 de janeiro a  8 de fevereiro:

Exposição  “Bienal Européia e Latino Americana de Arte Contemporânea BELA Bienal”

Organizada pela AVA Galeria, de Helsinque, Finlândia, pelo Instituto Nórdico Brasil Finlândia (ICNBF) e pela L. Bumachar Consultoria Empresarial, a Bienal Européia e Latino Americana de Arte Contemporânea BELA Bienal conta com a participação de 90 artistas, entre os quais Daniel Azulay, Vanessa Gerbelli, Ivald Granato, Ole Skovsmose, Maaria Markala, Martin Berge e Anssi Torronen, representando oito países: Alemanha, Argentina, Brasil, Dinamarca, Finlândia, França, Noruega e Suécia.  Além do MHN, parte da mostra encontra-se em exibição na Galeria Scenarium.

  

Até 17 de maio de 2015:

Exposição "Com a palavra D.Leopoldina, Imperatriz do Brasil"

Com curadoria da historiadora Solange Godoy e cerca de 200 peças do acervo do próprio MHN, a exposição "Com a palavra D. Leopoldina, Imperatriz do Brasil" aborda a infância da arquiduquesa, o casamento com d. Pedro e os compromissos assumidos em decorrência desse, a viagem da Áustria para o Brasil, a chegada ao Rio de Janeiro e as acomodações no Palácio de São Cristóvão; a missão científica, o papel político de Leopoldina, as relações familiares e a sua morte prematura aos 29 anos.

 

Dia 30 de janeiro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.

Apresentação: Orquestra de Jovens do Instituto GPA. No programa, Villa-Lobos e Ernesto Nazareth.

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

Dia 27 de fevereiro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.

Apresentação: Coral Rio Em Canto. No programa, Lamartine Babo, Tom Jobim, Ary Barroso, Pixinguinha, João de Barro e Dorival Caymni, além de outros compositores da Jovem Guarda.

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

Dia 19 de março, às 9h30m:

Ciclo de Palestras “Parceria em Ação – Envelhecer com Dignidade é um Direito”

          Palestra com a professora Ludmila Roque. Debatedor: Profa. Ludmila Roque.  Mediador: Professor Jenesis Genuncio. Temas: histórico e evolução dos direitos dos idosos no Brasil e a descrição dos principais pontos da legislação voltada para esse segmento populacional (LOAS, SUAS, Política Nacional dos Idosos e Estatuto do Idoso). Palestra aberta ao público em geral, com especial interesse para educadores sociais e coordenadores de projetos sociais. Inscrições gratuitas através do email projetossociaismhn@gmail.com ou do telefone 21-32990339.

 

Dia 27 de março, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.

Apresentação: Grupo Vocal Cantada. No programa: MPB, em especial a Bossa Nova.

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

Dia 24  de abril, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.

Apresentação: Coral Canto em Rio. No programa: Clássicos brasileiros.

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

Dia 13 de maio, às 9h30m:

Ciclo de Palestras “Parceria em Ação – Racismo, Intolerância, Ações Afirmativas na cidade do Rio de Janeiro”

           Palestra com os professores Elielma Ayres Machado e Marcos Romão. Mediador: Professor Jenesis Genuncio. Temas: as leis anti-racismo e ações afirmativas no Rio de Janeiro.  Palestra aberta ao público em geral, com especial interesse para educadores sociais e coordenadores de projetos sociais. Inscrições gratuitas através do email projetossociaismhn@gmail.com ou do telefone 21-32990339.  

 

De 29 de maio a 23 de agosto:

Exposições FotoRio "Adeus Perimetral” e “Noturnos”

          Exposições fotográficas no âmbito do FotoRio. “Noturnos”, com fotos de Betina Samaia e curadoria de Eder Chiodetto. “Adeus Perimetral”, com fotos de Wilson da Costa, Kitty Paranaguá, Felipe Varanda, Paulo Marcos de Mendonça Lima e Coletivo Padilla e curadoria de Julieta Roitman e Milton Guran.

 

Dia 29 de maio, às 12h30m, 14h e 16h:

Concertos do Projeto "Música no Museu Rio Harp Festival”

O “RioHarpFestival” já faz parte do circuito mundial da harpa. Durante todo o mês de maio serão concertos com harpistas de todas as partes do mundo. O MHN abrigará  três concertos:

12:30 h:

Apresentação: Kobie Du Plessis (África do Sul)

14 h:

Apresentação: Baltazar Juarez (México)

16h:

Apresentação: Eduardo Viveros (México)

Entrada Franca. Capacidade do auditório: 200 lugares.

Mais informações sobre o projeto “Música no Museu” em www.musicanomuseu.com.br

  

De 12 de junho a 2 de agosto:

Exposição "Tatuagens urbanas e o imaginário carioca”

Promoção: Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro, através da Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos, e Comitê Rio450.  Coordenação:  Renata Lima, autora do livro “Tapetes de Pedra”. Parceria: Câmara de Lisboa.

A exposição enfoca as calçadas de pedras portuguesas que ornamentam a cidade do Rio de Janeiro. Com acervos de instituições brasileiras e portuguesas, a exposição é dividida em três módulos, abordando a origem e histórico das calçadas; o modo de fazê-las e o imaginário carioca sobre o tema com objetos nelas inspirados. 

 

Dia 26  de junho, às 12h30m:

Concerto do Projeto “Música no Museu”

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.

Apresentação: Coral Vozes do Outono. No programa: Clássicos brasileiros

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em  www.musicanomuseu.com.br

 

Dia 31 de julho, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.

Apresentação: Coral Rio Em Canto. No programa: Clássicos brasileiros.

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

De 18 de agosto a 20 de setembro:

Exposição "Hiperfoto Rio – Jean-François Rauzier

Exposição inédita no Brasil reúne 31 fotos do francês Jean-François Rauzier. São imagens deslumbrantes de paisagens, da arquitetura e ambientes do Rio de Janeiro, elaboradas através de uma técnica autoral que dialoga com o cubismo, o mosaico, o surrealismo, o barroco e a escultura bidimensional. Para essa exposição, Rauzier capturou mais de oito mil imagens em outubro de 2014 na cidade do Rio de Janeiro. O artista pesquisa a técnica da hiperfoto desde 2002.

 

Dia 27 de agosto, às 9h30m:

Ciclo de Palestras “Parceria em Ação – Violações de Direitos Humanos em Crianças e Adolescentes”

          Palestra com os professores Danilo Groff Filho, José Pinto Monteiro e Siro Darlan. Debatedor: Professor Jenesis Genuncio. Tema: violações de direitos humanos em crianças e adolescentes. Palestra aberta ao público em geral, com especial interesse para educadores sociais e coordenadores de projetos sociais. Inscrições gratuitas através do email projetossociaismhn@gmail.com ou do telefone 21-32990339.

 

De 28 de agosto a 01 de novembro:

Exposição "O Espírito da África – Os Reis Africanos”

Com a curadoria de Emanoel Araújo, diretor-curador do Museu Afro Brasil, a exposição reúne 58 fotografias a cores e em p&B  do austríaco Alfred Weidinger,  que retratou de reis e chefes contemporâneos de diversas partes do continente africano, além de oito obras de arte africanas que dialogam com as próprias fotos. Promoção: Museu Afro Brasil

 

Dia 28  de agosto, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Apresentação: Gaetano Galifi, violão.

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

Dia 12  de setembro a 29 de novembro:

Exposição Transversalidades das Identidades Tropicais

No âmbito da “Trio Bienal – Bienal Tridimensional Intern’l do Rio 2015”, exposição reúne esculturas, objetos e instalações de 25 artistas do Brasil e do exterior.  Trata-se, na visão do curador, Marcus de Lontra Costa,   de “uma visão da produção tridimensional que tem como resultados formais, transbordamentos de cores e matérias que unem identidades de uma certa latitude tropical, encontradas em artistas de todo o mundo e que reverberam ideários estéticos caros à movimentos importantes na produção da arte brasileira, como a Tropicália, as Vanguardas Pops, a cultura carnavalizante, o Barroco, a cultura popular e outras conexões de lastro emocional-estéticos” 

A “Trio Bienal” apresenta até novembro obras de 160 artistas de 44 países, entre os quais Marina Abramovic, Vik Muniz,  Los Carpinteros, Anna Bella Geiger, Daniel Buren, distribuídas em onze principais centros e museus da cidade do Rio de Janeiro. Curadoria de Marcus de Lontra e produção executiva de Alexandre Murucci.

 

Dia 25  de setembro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Apresentação: Estúdio Vocal Universitário, coral independente da província de Mendoza, Argentina.

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

 

Dias 6, 7 e 8 de outubro, das 9h às 18h:

Seminário Internacional “Ponta do Calabouço e Adjacências: história, memória e patrimônio nos 450 anos da cidade do Rio de Janeiro”.

Anualmente o Museu Histórico Nacional, em parceria com instituições culturais e de pesquisa, do Brasil e do exterior, realiza em outubro, mês de sua criação, um seminário internacional abordando temas das áreas das ciências humanas e sociais. Em 2015, celebrará os 450 anos do Rio de Janeiro com palestras e mesas-redondas sobre a formação da área conhecida como o bairro da Misericórdia, na qual se insere o Morro do Castelo, ponto a partir do qual se desenvolveu a cidade. Palco e cenário do nascimento do nosso espaço urbano, esse lugar tem o Museu Histórico Nacional como um de seus principais remanescentes. O conjunto arquitetônico do MHN é constituído pelos vestígios do Forte de São Tiago, a Casa do Trem, e o Arsenal de Guerra que, desde as últimas décadas do século XVI, constituem fontes para pesquisas e reflexões acerca das heranças materiais e imateriais do antigo centro, cujos limites eram os morros de São Bento, da Conceição, de Santo Antônio e do Castelo. Em parceria com os departamentos de História da Universidade Federal Fluminense e da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, bem como com o Programa de Pós-graduação em Arquitetura da Universidade Federal do Rio de Janeiro e com o apoio da FAPERJ, o seminário dedica-se à reflexão e ao debate sobre a trajetória da essa região correspondente ao Bairro da Misericórdia e seu entorno. Procura analisar sua história e paisagem arquitetônica, além de discutir sobre as possibilidades de educação para a construção de cidadania nesse espaço da cidade. Vagas limitadas (200). Mais informações pelo email seminariointernacionalmhn@gmail.com ou pelo telefone 21-3299-0338. Inscrições gratuitas no dia 6 de outubro. Os participantes terão direito à certificado, mediante comprovação.

 

De 8 de outubro de 2015 a 17 de janeiro de 2016:

Exposição "Tão importante, tão esquecido: o bairro da Misericórdia”

Com curadoria de Isabel Lenzi e acervo do Museu Histórico Nacional, a exposição aborda a plenitude e a decadência do bairro da Misericórdia, que durante os 450 anos da cidade do Rio de Janeiro passou por diversas transformações.

 

Dia  30 de outubro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.

Apresentação: a confirmar

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

De 17 de novembro a 24 de janeiro de 2016:

Exposição “O Rio de Janeiro como destino: viagens e cartazes”

No âmbito das comemorações dos 450 anos da cidade do Rio de Janeiro, exposição reúne 40 cartazes que apresentam o Rio de Janeiro como destino para viajantes de todo o mundo. São cartazes publicitários de companhias marítimas e aéreas que mantinham rotas regulares de travessia atlântica tendo o Rio de Janeiro como um de seus pontos de embarque e desembarque de passageiros. Completam a exposição, documentos, medalhas e objetos.  Seminário paralelo à exposição, debate, nos dias 17 e 18 de novembro, das 9h às 17h30, as relações entre história, cidade e turismo, caracterizando a viagem como fato urbano a partir da história da  cidade do Rio de Janeiro como ponto de rotas comerciais de viagens marítimas e aéreas no século XX. Os temas abordados nesse seminário se relacionam diretamente com a iconografia dos cartazes publicitários. Promoção: Laboratório de História Oral e Imagem/Departamento de História/UFF, IHGRJ, MHN e Instituto Art Déco Brasil. Produção: Hólos Consultores Associados. Apoio à realização do seminário:  FAPERJ.

 

 

Dia 27 de novembro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Apresentação: a confirmar

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

Dezembro, data a confirmar :

Festa anual da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional

Cerimônia de entrega da Medalha Henrique Sérgio Gregori aos agraciados de 2014.

 

Dia 18 de dezembro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.

Apresentação: a confirmar

Entrada franca. Mais informações sobre o projeto em www.musicanomuseu.com.br

 

 

Museu Histórico Nacional

Praça Marechal Âncora, s/nº

Próximo à Praça XV

www.museuhistoriconacional.com.br

mhn.comunicacao@museus.gov.br

https://www.facebook.com/MuseuHistoricoNacionalRJ

https://instagram.com/museuhistoriconacional

 

Telefones: 21 – 3299-0324 (recepção) 21 3299-0311/0300 (ASCOM).

Agendamento para grupos escolares: 21 32990360 /61/62 – mhn.educacao@museus.gov.br

Aberto ao público de 3º a 6º feira, das 10h às 17h30 e aos sábados, domingos e feriados (exceto Natal, Ano Novo, Carnaval e dias de eleições), das 14h às 18h. Não abrimos ao público nas segundas feiras, mesmo que seja feriado.

Ingresso para exposições do Museu Histórico Nacional:
R$ 8,00 (oito reais)


Estão isentos de pagamento (mediante comprovação): crianças até cinco anos de idade; sócios da Associação dos Amigos do Msueu Histórico Nacional e do ICOM-International Council of Museum; funcionários do IBRAM e do IPHAN; alunos e professores das escolas públicas federais, estaduais e municipais; brasileiros maiores de 65 anos; guias de turismo e estudantes de museologia.

 

Alunos da rede particular de ensino, portadores de necessidades especiais e seu acompanhante, e brasileiros entre 60 e 64 anos pagam a metade do valor R$ 4,00 (quatro reais). Ingresso família (dois adultos e dois estudantes) R$ 20,00 (vinte reais).

 

Portadores do Passaporte dos Museus Cariocas não pagam ingresso até 30 de dezembro de 2015.

 

Aos domingos, a entrada é franca.