PROGRAMAÇÃO 2008

 

O Museu Histórico Nacional oferece ao visitante uma área de 9.557,32 metros quadros, englobando exposições permanentes e temporárias, Auditório, Arquivo Histórico, Biblioteca, Centro de  Referência Luso-Brasileira e  pitorescos pátios internos,  além de promover, inúmeros eventos, entre cursos, seminários, exibição de vídeos, concertos musicais e atividades especiais para crianças, jovens e terceira idade.

  

Conheça as atividades programadas para 2008:

 

De 22 de janeiro a 13 de abril:

Exposição “DARWIN: Descubra o homem e a teoria revolucionária que mudou o mundo”

Representante oficial do Museu de História Natural de Nova York no Brasil, o Instituto Sangari traz, ao Rio de Janeiro, a exposição mundial de Darwin. Depois de grande sucesso em São Paulo, a exposição chega ao público carioca, que terá a oportunidade de conhecer mais sobre a vida e a obra deste renomado cientista. A mostra recria a viagem de descoberta de Darwin, que transformou a percepção sobre a origem e a natureza das espécies, além de retratar aspectos exclusivos da passagem de Darwin pelo Rio de Janeiro em 1832, há exatos 175 anos. Mais informações em www.darwinbrasil.com.br. Agendamento de visitas de grupos, inclusive escolares, através do telefone 21-40620089.

 

Dia 25 de janeiro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca.

 

Dia 29 de fevereiro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês.  Entrada franca.

 

De 8 de março a 8 de junho:

Exposição "Um Novo Mundo, Um Novo Império: A Corte Portuguesa no Brasil"

Exposição comemorativa dos 200 anos da chegada da família real portuguesa ao Brasil, realizada pelo Museu Histórico Nacional com o patrocínio da Fundação Calouste Gulbenkian e apoio Do Banco BBM e da TAP. Ao enfatizar aspectos econômicos, políticos, culturais e sociais da transferência da corte em 1808, a exposição proporciona aos visitantes a oportunidade de conhecerem melhor o contexto histórico que cercou D. João VI, o primeiro monarca europeu a atravessar o Atlântico, e as conseqüências de sua vinda para o Brasil. Dividida em núcleos temáticos, a exposição apresenta um importante e inédito conjunto documental referente a fatos relevantes como a Abertura dos Portos às Nações Amigas e traz pela primeira vez ao Rio de Janeiro a monumental obra de Portinari “Chegada de D. João VI a Salvador”, de 1952, pertencente ao acervo do Banco BBM S/A e exposta na Associação Comercial da Bahia. Peças do acervo do próprio Museu Histórico Nacional, de colecionadores particulares e  de outras instituições brasileiras e portuguesas integram a exposição, como instrumentos científicos contemporâneos a D. João VI; o trono acústico criado na Inglaterra especialmente para o monarca, que apresentava deficiência auditiva; pintura a óleo contemporânea que reproduz com fidelidade a cena da chegada da frota real à baía da Guanabara e objetos de época – mobiliário, porcelanas, condecorações, etc – além de extensa iconografia do período. Modernos recursos cenográficos representam a guerra na Europa, responsável pela transferência da Corte para o Brasil, e a Independência do Brasil, episódio que encerra a exposição. Extensa bibliografia sobre o tema está disponível para consulta na Biblioteca do Museu.

 

De 13 de março a 18 de maio:

Exposições  “Jóias Reais – Joalheria Contemporânea Luso-Brasileira” e “As Gemas de Ontem e de Hoje”

No âmbito das comemorações dos 200 anos da chegada da família real  portuguesa ao Brasil, o Museu Histórico Nacional, o Consulado Geral de Portugal no Rio de Janeiro e a Associação dos Joalheiros e Relojoeiros do Rio de Janeiro uniram-se para desenvolver um projeto cultural e artístico que revelasse na produção contemporânea as raízes comuns do Brasil e de Portugal. Inspirados em acervos dos séculos XVIII e XIX existentes em importantes museus brasileiros e portugueses, 48 artistas (24 de cada país) criaram, sempre trabalhando em duplas de nacionalidades diferentes, jóias que demonstram a criatividade, a sofisticação e o alto nível da joalheria em ambos os países. Curadoria de Cristina Filipe e Lúcia Abdenur. Com curadoria de Rui Galopim de Carvalho, os 200 anos de história das gemas brasileiras na joalheria são tema da exposição “As Gemas de Ontem e de Hoje”

 

Dia 28 de março, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu – Concerto especial 200 anos da chegada da família real portuguesa ao Brasil"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca.

Marcando os 200 anos da chegada da família real portuguesa ao Brasil, apresentação do Quarteto Colonial, com Doriana Mendes (soprano), Talita Siqueira (contralto), Geilson Santos (tenor) e Luiz Kleber Queiroz (barítono).

No programa, “Motetos a capella  do Padre José Maurício Nunes Garcia (1767 – 1830), a saber: Motetos para a Semana Santa,  Libera-me (Canto exequial encontrado no sótão da Catedral da Sé de Mariana, Minas Gerais), Motetos para quarta-feira de cinzas e Motetos para a Semana Santa.

Destaca-se que D. João VI era um entusiasta da música e sob o seu reinado as atividades musicais ganharam vulto, não só com o repertório religioso, mas também com o profano. D. João VI tinha predileção pelo fausto nos ofícios religiosos e era conhecida sua paixão pelas missas cantadas, solenes, com numerosos cantores e instrumentistas Apreciador de Padre José Maurício, D. João VI o indicou para a função de de mestre-de-capela da Capela Real, reconhecendo nele o único músico verdadeiramente capacitado para o cargo.

Editado pela Carpex Empreendimento, CD do Quarteto Colonial com o programa apresentado no concerto encontra-se à venda na Loja do Museu.

 

Dia 25 de abril, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca.

Apresentação de Bruce Henri & Villa´s Voz. No programa, Heitor Villa-Lobos (1887-1959), a saber: Prelúdio nº 3, O Canto do Cisne Negro, Cair da Tarde, Tristorosa, Pequena Suíte 1913 (Legendária, Fugato e Melodia), Canção de Amor, Improviso nº 7, Veleiros e Melodia Sentimental.

 

Dia 6 de maio, às 14h30m:  

Lançamento de livro e Mesa Redonda “Pesquisa, Produção Científica e Divulgação em MUSEUS”

Lançamento do livro “Um Olhar Contemporâneo sobre a Preservação do Patrimônio Cultural Material”, reunindo artigos de pesquisadores convidados  e de conferencistas que participaram do seminário internacional sobre o tema, realizado no MHN em outubro de 2007.

Para marcar esse lançamento, será realizada no Auditório a Mesa Redonda “Pesquisa, Produção Científica e Divulgação em Museus”, visando à análise e o debate sobre a pesquisa, a produção científica e a divulgação em universidades e museus. Participam da mesa redonda os professores Charles Pessanha, professor adjunto da UFRJ e membro do Conselho Editorial da Editora da UFRJ, do Scielo Social Sciences e da revista Dados; Tânia Bessone, professora da UERJ e Marcus Granato, coordenador do Programa de Pós Graduação em Museologia e Patrimônio da UNIRIO/MAST e vice-diretor do MAST, além da professora Vera Lúcia Bottrel Tostes, museóloga e diretora do Museu Histórico Nacional. Para a mesa redonda a entrada é franca, sem necessidade de inscrição. O livro poderá ser adquirido na Loja do Museu.

 

De 12 a 16 de maio, das 14h às 18h:  

Curso “O Móvel no Brasil antes do movimento moderno”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “O Móvel no Brasil antes do movimento moderno”, com a professora Norma Elizabeth Pereira Correa,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br 

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 150,00 (3 parcelas de R$ 50,00) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 120,00 (3 parcelas de R$ 40,00)

 

Dias 17 e 18 de maio, das 14 às 18h:

Semana de Museus 2008 – “Museus como agentes de mudança social e desenvolvimento”

Para celebrar a semana de museus, o MHN promove atividades artísticas e educativas, seguidas de visitas mediadas ao circuito de exposição do Museu. 

Dia 17: “Histórias Contadas”, com o grupo Morandububetá 

Dia 18: “Cantando História” com o grupo História Através da Música

Entrada grátis. Vagas limitadas. Mais informações através do telefone 21-25509257 ou do e-mail mhncerlub@visualnet.com.br

 

Dia 28 de maio, às 10h:

Palestra sobre Restauração de tela de Caravaggio  e escultura em madeira

Promovida pelo Istituto Italiano di Cultura e pelo Núcleo de Conservação e Restauração de Bens Culturais da Universidade Estácio de Sá, será realizada palestra do professor italiano Massimo Seroni, restaurador emérito do Opificio delle Pietre Dure. A palestra compreende os seguintes temas: “Caravaggio – Madonna dei Palafrenieri: Análise da Técnica Pictórica e Intervenção” e “Escultura em Madeira – Século XIV: Um Olhar no Momento da Restauração – Análise Preliminar”.

Entrada franca.  Mais informações: www.estacio.br/extensão , restauro@estacio.br ou pelo telefone: 21-2206-9887

 

Dia 30 de maio, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca.

No âmbito do III Rio Harp Festival, o concerto dessa sexta-feira traz ao MHN a segunda harpista da Orquestre National de France, a francesa Isabelle Perrin. No programa, composições de M. Grandjany e G. Fauré.

 

De 09 a 13 de junho, das 14h às 18h:  

Curso “Escultura Religiosa no Brasil”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “Escultura Religiosa no Brasil”, com a professora Myriam Ribeiro,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 150,00 (3 parcelas de R$ 50,00) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 120,00 (3 parcelas de R$ 40,00)

 

De 11 de junho a 27 de julho:

Exposição “O Espírito do Budô: A História das Artes Marciais do Japão”

Esta exposição reúne cerca de 60 peças japonesas relacionadas à história das artes marciais do Japão, apresentando espadas antigas, vestuário completo utilizado nas diversas artes marciais tradicionais, como o kendô (baseado na filosofia dos antigos guerreiros japoneses samurais), capacetes de diversos estilos, armaduras completas utilizadas pelos antigos guerreiros, utensílios de lutas e outros objetos afins. O Rio de Janeiro será a única cidade brasileira a receber esta exposição diretamente do Japão, conferindo a mesma maior importância e caráter exclusivo. Esse evento é parte integrante das comemorações oficiais do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil em 2008, também considerado como o Ano de Intercâmbio Japão-Brasil, conforme acordo feito entre os dois governos durante as visitas oficiais do ex-primeiro ministro Koizumi ao Brasil em setembro de 2004 e do Presidente Lula ao Japão em maio de 2005.

Em 2008 completa-se um século desde a chegada do “Kasato Maru”, o primeiro navio a trazer imigrantes japoneses ao porto de Santos, em 1908. Hoje vivem no Brasil em torno de um milhão  e 400 mil imigrantes japoneses e seus descendentes (sendo a maior colônia japonesa no exterior). Também há cerca de 300 mil nipo-brasileiros trabalhando no Japão. 

Realização: Consulado Geral do Rio de Janeiro em parceria com o Museu Histórico Nacional e apoio da Fundação Japão e Comissão do Centenário da Imigração Japonesa.

 

De 11 de junho, às 14h:

Mesa Redonda “Memória do Japão Nipônico Cem Anos Depois”

No âmbito do Seminário Permanente promovido pelo Cerlub e como atividade paralela à exposição “O Espírito do Budô: A História das Artes Marciais no Japão”, será realizada Mesa Redonda, reunindo os seguintes especialistas no tema: Kiyoshi Ishii, Cônsul Geral do Japão no Rio de Janeiro, que abordará os aspectos filosóficos do Budô; Adler Fonseca, historiador, versando sobre as antigas técnicas de combate dos guerreiros samurais e Célia Sakurai, escritora, autora da obra “Os Japoneses” e pesquisadora do Museu Histórico da Imigração Japonesa (São Paulo), refletindo sobre o fenômeno da imigração japonesa no Brasil. A entrada é franca e as inscrições podem ser feitas através do e-mail mhncerlub@gmail.com e do telefone 21-25509257

 

De 16 a 20 de junho, das 14h às 18h:  

Curso “Preservação de Acervos Audiovisuais: Uma Abordagem Gerencial”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “Preservação de Acervos Audiovisuais: Uma Abordagem Gerencial”, com os professores Adriana Cox Hollós, Carlos Augusto S. Ditadi, Hernani Hefferner, Marco Dreer e Solange Zuniga,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 150,00 (3 parcelas de R$ 50,00) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 120,00 (3 parcelas de R$ 40,00).

 

Dia 27 de junho, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca.

Apresentação dos músicos Helder Teixeira (flauta), Francisco Gonçalves (oboé), Paulo Santoro (violoncelo) e Angélica Miranda (piano). Direção musical e regência de Ueslei Banus. No programa: John Rutter, Pablo Casais e Ernani Aguiar.

 

De 3 de julho a 10 de agosto:

Exposição “Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas”

Exposição das obras dos cinco artistas premiados na 2º edição do Prêmio CNI SESI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas, realizada em 2006: Carlos Melo, Leandro Lima & Gisela Mota, Lucia Laguna e Sara Ramo. Esse Prêmio, homenagem a uma das figuras mais relevantes das artes plásticas brasileiras nos últimos vinte anos – Marcantonio Vilaça (1962 – 2000) – tem por objetivo promover a interação entre a atividade cultural e os  trabalhadores da indústria, contribuindo com o desenvolvimento cultural  do país, o estímulo à produção da arte contemporânea brasileira e o enriquecimento do acervo artístico dos espaços culturais. Realização CNI SESI.

 

De 07 a 11 de julho, das 14h às 18h:  

Curso “Preservação de Bens Culturais: O Patrimônio Edificado”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “Preservação de Bens Culturais: O Patrimônio Edificado”, com a professora Cláudia S. Rodrigues de Carvalho,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 150,00 (3 parcelas de R$ 50,00) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 120,00 (3 parcelas de R$ 40,00)

 

De 08 de julho 28 de setembro:  

Exposição “Saúde e Medicina no Brasil e Portugal”

No âmbito das comemorações dos 200 anos da chegada da corte portuguesa ao Brasil, exposição, com curadoria de Helena Severo,  apresenta a trajetória da medicina em ambos os países nos últimos duzentos anos. Patrocinada pela Academia Nacional de Medicina, Eletrobrás, Fundação de Amparo à Pesquisa do Rio de Janeiro/Faperj, Fundação Oswaldo Cruz/Fiocruz, Grupo GlaxoSmithKline e Interfarma/Associação da Indústria de Pesquisa, a exposição é uma realização da Cultura & Arte, com o apoio educacional do Instituto Sangari e apoio do Museu Histórico Nacional e Rio Scenarium.

 

De 14 a 18 de julho, das 14h às 17h:  

Curso “O Azulejo: Sua Percepção como Herança Cultural Portuguesa”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “O Azulejo: Sua Percepção como Herança Cultural Portuguesa”, com a professora Dora Âlcantara,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 125,00 (2 parcelas de R$ 62,50) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 100,00 (2 parcelas de R$ 50,00)

 

De 21 a 25 de julho, das 14h às 18h:  

Curso “A Moda: Da Chegada da Família Real ao Baile da Ilha Fiscal”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “A Moda: Da Chegada da Família Real ao Baile da Ilha Fiscal”, com as professoras Gláucia Centeno, Irina Aragão e Vera Lima,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 150,00 (3 parcelas de R$ 50,00) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 120,00 (3 parcelas de R$ 40,00).

 

De 21 de julho a 23 de agosto, das 9h às 18h:  

Curso “Estudos Avançados de Museologia”

Promoção da Associação Brasileira de Museologia e Universidade Lusófona (Portugal). Mais informações através do telefone 21-22150359.

 

Dia 25 de julho, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca.

 

De 28 de julho a 01 de agosto, 14h às 18h:  

Curso “Acondicionamento de Obra de Arte Sobre Papel: Reserva Técnica e Exposição”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “Acondicionamento de Obra de Arte Sobre Papel: Reserva Técnica e Exposição” com o professorIvan Coelho de Sá,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 150,00 (3 parcelas de R$ 50,00) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 120,00 (3 parcelas de R$ 40,00).

 

Dia 14 de agosto, às 14h: 

Seminário Permanente do Cerlub, “Memórias da Imigração”

Em parceria com a Rede de Educadores em Museus, o Centro de Referência Luso-Brasileira dedicará a reflexão e o debate do Seminário Permanente desse ano ao tema “Memórias da Imigração”. O seminário será realizado em três sessões. Informações pelo telefone 21.25509257 ou pelo e-mail mhncerlub@visualnet.com.br

A Mesa Redonda desse dia tem o seguinte tema: “Destinos e Percursos trajetórias: Trajetórias de Imigrantes”, com Giralda Seyferth, doutora em Ciências Humanas (Antropologia Social), professora associada da UFRJ lotada no Museu Nacional e Susane Worcman, Coordenadora do programa “Heranças e Lembranças”, disponível no portal do Museu da Pessoa. Coordenação de Beatriz Caldeira, Coordenadora Técnica do MHN.

 

De 11 a 15 de agosto, 14h às 17h:  

Curso “Organização de Acervos Fotográficos”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “Organização de Acervos Fotográficos” com a professora Aline Lopes Lacerda,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 125,00 (2 parcelas de R$ 62,50) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 100,00 (2 parcelas de R$ 50,00)

 

De 18 a 22 de  agosto, 14h às 17h:  

Curso “Introdução à Conservação Fotográfica”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “Introdução à Conservação Fotográfica” com a professora Sandra Baruki,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 125,00 (2 parcelas de R$ 62,50) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 100,00 (2 parcelas de R$ 50,00). Vagas limitadas: 25 pessoas. O aluno deve trazer um par de luvas de helanca ou algodão para manuseio de mostruário.

 

Dia 29 de agosto, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca. Apresentação da Piccola Academia, integrada por Carlos Rato (flauta); Antonio Mussi (flauta), Priscila Plata Rato (violino) e Caio Moraes (violino). No programa,

  

De 08 a 12 de setembro, 14h às 17h:  

Curso “Museu e Educação: Uma Abordagem para Além da Teoria”

No âmbito da programação de cursos do Museu Histórico Nacional, realização do curso “Museu e Educação: Uma Abordagem para Além da Teoria” com as professoras Cristina Carvalho e Marcelle Pereira,  tendo por objetivo contribuir para a capacitação e aprimoramento técnico de museólogos, estudantes e de outros profissionais que atuam em museus e instituições afins. Mais informações pelos telefones 21-25509260 / 92436153 ou pelo e-mail vandagranato@yahoo.com.br

Valor da inscrição: Profissionais - R$ 125,00 (2 parcelas de R$ 62,50) . Estudantes e membros da AMHN -  R$ 100,00 (2 parcelas de R$ 50,00)

 

De 15 de setembro a 12 de outubro:

Exposição:  “La Muerte Ilustrada”

Exposição realizada no âmbito da festa nacional do México, promovida pelo Consulado Geral do México no Rio de Janeiro, reunindo cerca de 50 zincografias de José Guadalupe Posada (1852-1913), criador das inesquecíveis caveiras festivas e de outros personagens e publicações que registram o cotidiano do povo mexicano. Posada é considerado o fundador da ilustração mexicana e grande influenciador da arte contemporânea naquele país.

 

Dia 18 de setembro, às 10h:

Lançamento da “Semana Nacional do Trânsito"

Promoção do Detran. Ao longo do dia, atividades educativas e recreativas para o público infanto-juvenil.

 

Dias 20 e 21 de setembro, das 14 às 18h:

Evento "Primavera nos Museus”

O MHN está participando  da 2º Edição da “Primavera dos Museus”, promovida pelo Departamento de Museus e Centros Culturais do IPHAN.  OMHN estará oferecendo as seguintes atividades, organizadas pelo Centro de Referência Luso-Brasileira: visitas teatralizadas  à exposição “Expansão, Ordem e Defesa”, seguidas de Oficinas de História (dias 20 e 21, das 14h às 16h) e apresentação da Orquestra infanto-juvenil  “Villa Lobos e as Crianças” (Museu Villa Lobos). Entrada franca. Mais informações pelo telefone 21-25509257 ou do e-mail mhncerlub@visualnet.com.br

 

Dia 26 de setembro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca. Apresentação da pianista Gilda Oswaldo Cruz. No programa, obras de Heitor Villa Lobos e de Cláudio Santoro.

 

De de 27 de setembro a 1º de fevereiro de 2009

Exposição “O Corpo Humano: Real e Fascinante”

Exposição internacional que já percorreu 22 cidades de diversos países. No Brasil, o Rio de Janeiro acolhe a exposição depois da cidade de São Paulo, onde recebeu cerca de 500.000 visitantes em 2007. Dividida em nove módulos – sistema ósseo, sistema muscular, sistema nervoso, sistema digestivo, sistema respiratório, sistema reprodutivo, sistema urinário, sistema circulatório e informações para o tratamento do corpo – a exposição permite a compreensão do funcionamento do corpo humano, o que o destrói e o que o salva, assim como o que é necessário para a sua sobrevivência. Através do processo de Polimerização, o grande público terá acesso a materiais que anteriormente estavam disponíveis somente aos profissionais de medicina. De caráter didático, a exposição apresenta órgãos que sofreram diferentes doenças (ataque cardíaco, câncer, etc. ) permitindo ao visitante entender como seus corpos são frágeis e necessitam de cuidados, incentivando as pessoas a praticarem atividades saudáveis e prevenir atividades maléficas a saúde, como o fumo. Atividades específicas programadas para professores e alunos. Mais informações sobre a exposição no site www.corpohumanorio.com.br 

Para visitar a  exposição é necessário adquirir ingresso diferenciado nos seguintes valores: R$ 40,00 e R$ 20,00 (estudantes e terceira idade).  Esse ingresso dá direito de visitar as demais exposições em cartaz. Mais informações sobre ingressos pelo telefone 4003-1212 ou no site www.ingressorapido.com.br  Durante o período da exposição, o Museu Histórico Nacional estará aberto excepcionalmente de terca a domingo, das 10h às 18h. Última entrada para a exposição às 17h15m. Agendamento para grupos escolares através do telefone 11-3883-9090 ou do e-mail atendimento@divertecultural.com.br

 

Dia 18 de outubro, das 12 às 17h:

Encontro de Ex-Alunos dos Cursos da Área de Projetos Sociais

Encontro anual de ex-alunos dos cursos promovidos pela área de Projetos Sociais em conjunto com a Associação Ser Cidadão. Palestras, oficinas, atividades musicais propiciam momentos de confraternização entre os jovens. Mais informações pelo telefone 21-25509239 ou pelo e-mail projetossociaismhn@gmail.com

 

De  20 a 23 de outubro, das 9h30 às 18h:

Seminário Internacional “A Democratização da Memória: A Função Social dos Museus Ibero-Americanos”

Anualmente o MHN com o apoio do Departamento de Museus e Centros Culturais do IPHAN  e parceria com universidades, instituições culturais e de pesquisa, do Brasil  e do exterior, realiza em outubro, mês de sua criação, um seminário internacional abordando temas das áreas das ciências humanas e sociais. Esse ano, o seminário tem como objetivo propiciar  condições para o debate sobre questões relativas à representatividade e à preservação de heranças culturais em museus e para uma reflexão sobre os conflitos oriundos do desejo de democratização de memórias como um direito de todos.  Estão previstas as seguintes mesas redondas e conferências com os seguintes temas:  “Museu, memórias, história e nação”, “Museus e representações da Nação no pós-colonialismo”, “Batalhas no campo da memória e dos museus”, “Democratização do museu: memória e movimentos sociais”, “A nação imaginada e representada nos museus”, “Memória política e política da memória”, “O sentido das belas artes e a democratização dos museus” e “Desejos de memória e desejos de poder”. Inscrições gratuitas pelo e-mail mhn.comunicacao@museus.gov.br  Mais informações pelos telefones 21-25509220 ou 25509242. Vagas limitadas à capacidade do Auditório (180 lugares)

 

Dia 31 de outubro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca.

 

A partir de 13 de novembro:

Exposição “A Sedução do Oriente: A Arte asiática na coleção do Museu Histórico Nacional”

Esta exposição marca a realização de uma grande mostra anual  com acervo da própria instituição e apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional, visando apresentar ao público coleções importantes há muito tempo longe do olhar dos visitantes. “A Sedução do Oriente: A arte asiática na coleção do Museu Histórico Nacional” reúne serviços de porcelana, moedas, indumentária, armas, desenhos, mobiliário e esculturas provenientes do oriente – China, Japão, Coréia, Índia e até mesmo da antiga Pérsia (atual Irã) – de inegável valor estético e histórico, que expressam o fascínio e a curiosidade que as civilizações do Oriente exerceram sobre Brasil desde o período colonial.

 

Dia 13 de novembro:

Festa Anual da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional

Entrega da Medalha Henrique Sérgio Gregori aos agraciados de 2008 .

 

De 27 de novembro a 18 de janeiro de 2009:

Exposição “Casas de Brasileiro”

No âmbito das comemorações do bicentenário da chegada da Corte Portuguesa ao Brasil,  exposição fotográfica pretende abordar de uma forma simbólica a influência dos emigrantes de torna-viagem vindos do Brasil,  na transição dos séculos XIX e XX, através da arquitetura. A partir de então, foi criado um estilo próprio, com várias tipologias arquitetônicas, que passou a  ser denominado de “casas de brasileiros”.  São 50 fotografias do renomado fotógrafo português Júlio de Matos, que, ao lado historiador Jorge Pereira de Sampaio, também português, assinam a curadoria da exposição. A exposição tem o apoio do Ministério  da Cultura de Portugal e da Comissão Portuguesa para as Comemorações dos 200 Anos.

 

 

Dia 27 de novembro, às 14h: 

Seminário Permanente do Cerlub, “Memórias da Imigração” e lançamento dos Anais do MHN

Em parceria com a Rede de Educadores em Museus, o Centro de Referência Luso-Brasileira dedicará a reflexão e o debate do Seminário Permanente desse ano ao tema  “Memórias da Imigração”. O seminário será realizado em três sessões. Informações pelo telefone 21.25509257 ou pelo e-mail mhncerlub@visualnet.com.br

A Mesa Redonda desse dia tem o seguinte tema: “Imigrações Recentes: Panorama de Uma Sociedade em Construção”, com a participação  da pedagoga Débora Garcia, coordenadora de conteúdo da série “Chegados”, da TV Futura e da antropóloga Neiva Vieira da Cunha, pesquisadora da UFRJ e professora da UERJ e da UCAM, sob a coordenação da socióloga e assessora do MHN, Sarah Fassa Benchetrit.

Após a realização da mesa redonda, será lançado o volume nº 40 dos Anais do Museu Histórico Nacional.

 

Dia 28 de novembro, às 12h30m:

Concerto do Projeto "Música no Museu"

Projeto  realizado pela Carpex Empreendimentos com o apoio da Associação dos Amigos do Museu Histórico Nacional promove concerto musical no Museu toda a última sexta-feira do mês. Entrada franca.

 

 

  

MUSEU HISTÓRICO NACIONAL

Praça Marechal Âncora s/nº  Centro

Próximo à Praça XV - Rio de Janeiro RJ

Tel:  21.25509224 / 25509220

 

Horários :
De 3º a 6º feira,  das 10h às 17h30m
Fechado às 2º feiras
Sábados, Domingos e Feriados - das 14:00h às 18:00 h

Ingresso: R$ 6,00 (seis reais)
Estão isentos de pagamento (mediante comprovação): crianças até cinco anos de idade; sócios do ICOM-International Council of Museum; funcionários do IPHAN; alunos e professores das escolas públicas federais, estaduais e municipais; brasileiros maiores de 65 anos; guias de turismo e estudantes de museologia. Alunos agendados da rede particular de ensino e brasileiros maiores de 60 anos e menores de 65 anos pagam a metade do valor. Aos domingos, a entrada é franca.

 

www.museuhistoriconacional.com.br

mhn.comunicacao@museus.gov.br